12 julho, 2018

10 jogos que poderiam ganhar série na Netflix!

Grand Theft Auto: San Andreas
Com o lançamento bem competente de Castlevania pela Netflix,  e a aguardada The Witcher, os fãs de games começam a sonhar sobre algumas outras grandes franquias de jogos que poderiam ganhar adaptações para séries no grande serviço de streaming. Separamos aqui algumas franquias que dariam ótimas séries. 

   

10. Metal Gear Solid: A franquia Metal Gear tem tudo para dar certo em uma série animada: Protagonistas carismáticos, enredo interessante, ação e espionagem. Os jogos de Hideo Kojima já tem uma ótima direção de cenas e são recheados de clichês dos filmes americanos e animes japoneses. Se a arte for inspirada em Yoji Shinkawa, o artista principal da série, já nascerá um clássico.

Metal Gear Solid
9. Chrono Tigger: Chronno Trigger tem uma história complexa, emocionante e cheia de personagens carismáticos. O enredo do jogo original já renderia algumas temporadas muito boas se passando em épocas diferentes e sempre adicionando novos personagens. Para ficar mais perfeito, só chamar Akira Toryiama para dar sua arte e bênção para a obra.

Chrono Tigger
8. Metroid: Uma das primeiras e mais fortes protagonistas femininas do mundo dos games merecia muito uma série animada contando suas histórias como mercenária espacial, no melhor estilo Cowboy Bebop. Em tempos de discussões sobre representatividade feminina, Samus é a heroína que precisamos.

Metroid
   

7. The Legend of Zelda: O mundo de Hyllure é rechiadíssimo de locais, personagens e histórias para colocar em uma série de fantasia medieval fantástica. O clássico protagonista Link poderia passear por diversas temporadas revivendo as tramas de todos os jogos da franquia em cenários lindos cheios de cor e aventura.

The Legend of Zelda
6. Fallout: O universo de Fallout é muito rico e a melhor parte é que a série não precisa se apegar a um local ou personagem fixo, pois cada jogo tem uma ambientação diferente. Poderia até ser uma série de antologias, contando histórias diferentes a cada temporada.

Fallout
5. The Elder Scrolls: Outro mundo cheio de conteúdo para se trabalhar, Tamryel é um local cheio de jogos com centenas de main e side quests prontas para ganhar as telas. Além da aventura, é um cenário com muita intriga política entre os povos e as raças, podendo seguir uma pegada bem semelhante a Game of Thrones.

The Elder Scrolls
   

4. Bioshock: Seja no fundo dos mares ou nos céus, a ambientação de Bioshock é muito bem feita e perfeita para virar uma série animada. Os episódios poderiam trazer flashbacks contando os dias gloriosos de Rapture enquanto investigadores trabalham entre os escombros da cidade, ou o passado e o presente poderiam ser contados em temporadas diferentes, enfim, tem muitas possibilidades.

Bioschock
3. Mass Effect: Falando sobre universos recheados de conteúdo, Mass Effect tem literalmente um desses. Existe muita história antes da jornada de Shepard que poderia ser contada, como o encontro dos humanos com as outras raças e seus conflitos. A ameaça dos Reapers poderia ser construída para ser desenvolvida somente nas temporadas finais. É empolgante só de pensar.

Mass Effect
2. God of War: Essa história com certeza funcionaria muito bem como uma série cheia de gore. A jornada de vingança de Kratos é muito fácil de enfiar numa série e toda a mitologia grega é muito rica em conteúdo para se trabalhar. E quando cansar da Grécia, a série pode ir para os países nórdicos, como a própria franquia.

God of War
1. GTA: Direcionada para o público adulto…GTA tem um estilo Tarantinesco muito legal que poderia ser trazido facilmente para uma série antológica, com cada temporada contando histórias de crime nas diferentes cidades da franquia: Libert City, Vice City, Los Santos, entre outras.

GTA
   
 

Receba os lançamentos

Cadastre o seu e-mail e receba informações de todos os lançamentos da Netflix

Copyright © Lançamentos da Netflix™ is a registered trademark.
Designed by Templateism. Hosted on Blogger Platform.